Em cada onda tua…

Em cada onda tua está um mistério teu.
Está um mistério nosso.

Em cada onda que vem e que vai estão sonhos que nunca foram realizados.
Estão alegrias que nunca foram tornadas públicas, porque em ti vive tudo o que não foi realizado aos olhos de todos.

Em cada embate teu nas rochas estão todas as batalhas que perdemos.
Estão as vezes em que podíamos ter amado e não amamos. Estão as incertezas que nos deixaram bater de frente com a vida. Estão os medos que nos prenderam à rocha daquilo que não nos define.

Em cada pedaço de sal está o tempero necessário para a tua existência.
Está o tempero necessário para a nossa vontade de continuar a caminhar. É ele que conserva o que de melhor temos e que deteriora o que há muito devia ter desaparecido das nossas vidas.

Em cada canto e recanto da tua profundidade vivem os teus maiores tesouros.
Vivem também as nossas maiores certezas. Tão profundas que nos levam ao mais íntimo de nós. Tão profundas que sustentam cada passo nosso.

Em ti está mais do que vida. Em ti está toda a vida.
A tua. E a daqueles que um dia deixaram que lhes banhasses a vida.
Em ti está tamanho mistério. Tão grande como o da nossa vida, talvez seja por isso que te procuremos: à espera de que em cada onda tua possam surgir respostas, ou palavras que o vento não nos leve.

Sobre os mares está fundado o nosso mistério.
E sobre as tuas ondas estão consolidadas todas as nossas vidas!

[Texto da autoria de ©Emanuel António Dias]

water-2208931_1920

[Fotografia da autoria de ©PublicCo]

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s