Vivência aparente

Tu dormes na vida e para a vida. Tu vais dormindo para não teres que aprofundar muito a realidade que existe à tua volta.
Vais sendo embalado com aquilo que poderias ter sido e com as promessas que não te foram cumpridas.
Vais adormecendo lentamente com a esperança de que um dia terás um acordar suave. Vais permanecendo nessa sonolência. Uma sonolência enganadora que te livra da pressão, mas que não te leva a ti mesmo. Vai-te dando aparência, mas sem qualquer tipo de consciência.
O ritmo da tua vida é lento e bastante monótono. O ritmo da tua vida é pausado pelas vezes em que acordas. São tão raras as vezes em que enfrentas o teu mundo. São tão, mas tão raras que em poucos momentos desatas a fugir de ti mesmo.
Voltas rapidamente ao teu sono profundo, mantendo apenas a movimentação necessária para que ninguém te possa acordar.
E de novo adormeces, porque nada te agarra a este mundo. Nada te puxa de volta à tua verdadeira vida. Nada te larga desse repouso incutido pela tua insatisfação contigo e com o mundo.
Vais dormindo para que não tenhas de enfrentar o teu próprio olhar. Vais dormindo para que não tenhas de enfrentar o teu próprio barulho. Vais dormindo num silêncio disfarçado.
Mas até quando? Até quando continuarás a dormir na vida e para a vida?
Até quando preferirás que a vida passe por ti?
Acordar para um “novo amanhã” não é fácil. É preciso voltar a lidar com a luz. A luz da vida. A luz do encontro. A luz do caminhar. A luz que erguerá a tua fronte.
Não podes adiar mais aquilo que tens de caminhar.
É hora de acordares!
É hora de despertares para que não te atrases ainda mais para a tua vida.

[Texto da autoria de ©Emanuel António Dias]

bench-1866514_1920

[Fotografia da autoria de ©Pexels]

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s