Uma Europa para Portugal ou um Portugal para a Europa?

Quero começar esta minha pequena reflexão voltando a frisar algo que já disse em outras crónicas.
Eu não tenho qualquer conhecimento, mas mesmo nenhum conhecimento sobre política. Os meus textos baseiam-se simplesmente naquilo que aprendo e que constato no meu dia-a-dia.

Depois de ter voltado a referir algo que para mim era inevitável, coloco-vos novamente o título desta crónica: “Uma Europa para Portugal ou um Portugal para a Europa?”.

Bem amanhã decidiremos, nós, europeus e portugueses, o futuro de um País e de uma Europa com uma grande crise em todos os aspectos. Quando nasci já este meu nobre Portugal fazia parte da UE, mas de tudo o que estudei e ouvi parece que esta entrada numa “união” tão grande de países não teve o efeito pretendido ou pelo menos desejado…

Ora vejamos, a maioria das pessoas da minha faixa etária, ou até duma faixa etária superior nasceram com a ideia de que haveria sempre fundos para tudo e mais alguma coisa. Bastava alguma pessoa inventar um evento ou uma empresa que logo se ouviriam falar dos tão desejosos e amáveis euros vindos da Europa. Mas o que é que isso fez? Passaram a ideia, para um povo que sempre viveu na pobreza, de que qualquer um poderia ter dinheiro, apenas tinha que estalar os dedos e tudo se resolveria. Criou-se o hábito de fazer créditos, atrás de créditos. E o que originou? Passamos a ter um Portugal ainda mais endividado e desesperado!!

Se analisarmos muito bem para o que realmente esta Europa nos oferece, iremos dar conta de que aqueles que são os “mais pequenos” continuarão igualmente inferiores e menosprezados, mas com agravante de terem que entrar para uma “união” onde a moeda é extremamente competitiva e o trabalho é dirigido para aqueles que são considerados de grandes potências.

Caros leitores, não quero dizer com isto que não hajam benefícios nesta UE, mas serão suficientes para combater todos os problemas que ela nos causou?

Por fim deixo um recado a todos aqueles que se candidatam a estes lugares do Parlamento Europeu. Tragam para nós, portugueses e europeus, uma verdadeira união, onde todos possamos perceber que é necessário mudanças, que é necessário intervir naquilo que foi iludido a muitos povos. E que dêem soluções aqueles que se encontram numa pior fase,porque a verdadeira união é mostrada quando as dificuldades aparecem.

Que o dia de amanhã seja significado de uma nova Europa. Uma Europa mais risonha, para todos nós e para as gerações futuras!

E que acima de tudo sejamos também um País que dê exemplos de caminhos pela qual a Europa deve seguir!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s